7 Passos para Começar a Economizar Dinheiro!

 

Economizar dinheiro é algo que nós estamos sempre atrás. Não importa se você tem muito ou pouco dinheiro, sempre queremos economizar mais. Só que as vezes fica difícil enxergar uma maneira. Aqui você vai ter 7 passos que vão te ajudar a encontrar uma nova forma de economizar dinheiro.

É tão comum ouvir de amigos, parentes, conhecidos e até de estranhos uma frase parecido com: “estou atolado em dívidas e sem 1 centavo na conta corrente”.

Isso faz parte das pessoas que não conseguem economizar dinheiro e é normal. Pra elas.

O problema é que isso não é normal. E a matemática nesse caso é muito fácil.

Precisamos simplesmente gastar menos do que ganhamos.

É simples demais. Eu sei, você sabe e todos sabemos que é impossível ter uma vida financeira saudável se nossas despesas são maiores que as receitas.

Para alcançar isso, temos 2 caminhos:

  • ganhar mais dinheiro
  • economizar dinheiro.

Aqui vou focar no segundo ponto. Bora?

#1 – Mude seu pensamento sobre o dinheiro

O primeiro e mais importante passo é você mudar o seu pensamento sobre o dinheiro. Uma mudança total de mindset.

Nós somos criados para não gostar de pessoas ricas ou com muito dinheiro.

Temos essa tendência a olhar com preconceito para quem tem bastante dinheiro e julgá-los.

“Jogador de futebol ganhando essa fortuna não é justo. Só pra chutar uma bola!”
“Só porque faz vídeos pro Youtube tá milionário! Como que pode?”

Você já se pegou falando algumas dessas frases? Acho que já, né.

Eu mesmo já falei algumas vezes.

Mas se pararmos e raciocinarmos logicamente, qual o problema em eles serem ricos?

Qual o problema se um milionário dono de time quer pagar uma montanha de dinheiro pro Neymar?

Ele com certeza não tá fazendo isso por caridade. Ele tá fazendo um investimento e espera que o retorno que o Neymar traga seja maior do que ele está investindo.

Claro que as pessoas que adquiriram riqueza através de meios ilegais, é difícil de aceitar.

Mas o foco aqui é no pensamento em qualquer pessoa que tenha dinheiro, queremos julgar e ficar se perguntando “o que ele fez pra merecer isso?“.

E essa forma de pensar acaba nos afastando do dinheiro. Acaba avisando nosso subconsciente que ter muito dinheiro é ruim, porque as pessoas vão começar a julgar.

Dessa forma arranjamos desculpas e mais desculpas pra gastar dinheiro mesmo sem saber pra onde ele está indo. Simplesmente pelo fato de que nós fomos ensinados a não gostar de quem tem dinheiro.

Comece mudando seu mindset sobre o dinheiro e entenda que dinheiro nunca é o fim. Ele será sempre o meio.

Isso significa que você não quer ter acumular capital só para deixar sua conta maior. Você vai querer utilizar esse valor para algo que é mais valioso que o próprio dinheiro.

Por isso que pense nele como um meio e não ache que outras pessoas merecem mais ou menos que você.

#2 – Faça controle de TODOS seus gastos

Esse passo já detalhei bastante no artigo 2 métodos para economizar dinheiro hoje. Fazer um controle mensal de todos os seus gastos é essencial, crucial e obrigatório.

Muitas vezes gastamos sem ter noção onde gastamos tanto dinheiro. É o velho sentimento de “sobrou mais mês do que salário”.

Tendo um controle fixo de todos os gastos, você saberá exatamente no que gastou seu dinheiro. Para saber mais sobre este quesito, leia o artigo que citei.

Agora, como fazer esse controle? Nós temos 2 principais formas.

A primeira é usar um aplicativo de controle de gastos. Gosto muito de 2 aplicativos. O primeiro é o Mobills que tá disponível tanto pela internet neste site quanto nas stores dos aplicativos.

O outro aplicativo é você vai saber lendo este artigo onde comento como fazer um controle financeiro perfeito.

Outro formato é através de uma planilha de controle de gastos, que você pode fazer o download gratuitamente aqui.

#3 – Mude seus Hábitos

“Muitos gastam dinheiro que ainda não ganharam, comprando coisas de que não precisam, para impressionar pessoas de quem não gostam.” ~ Will Smith

Já leu essa frase em algum lugar?

Ela diz respeito exatamente ao que gastamos sem saber o real motivo.

É muito fácil achar exemplos ao nosso redor de pessoas assim. Aposto que você conhece alguém que faça isso. Quem sabe até você mesmo.

Mudar os seus hábitos vai ainda além disso.

Quer dizer com relação a tudo que você está gastando dinheiro hoje na sua vida.

Esse é o primeiro ponto onde nós começamos a gastar mais do que ganhamos.

Tentando ter um estilo de vida maior do que podemos bancar, acaba nos prejudicando financeiramente.

Seus hábitos é que vão definir todo o seu futuro de ter dinheiro ou não.

Saiba que o segredo número 1 das pessoas mais ricas do mundo é exatamente o de manter um estilo de vida simples, sem gastos exuberantes.

Isso é mais importante do que ganhar muito.

A pessoa que ganha R$ 30.000,00 por mês, se tiver gastos de R$ 30.500,00 por mês está fadada à falência.

Agora a pessoa que ganha R$ 3.000,00 e tem gastos de R$ 2.700,00 vai acumular riqueza ao longo do tempo.

Manter um estilo de vida simples é mais importante que buscar formas de ganhar muito dinheiro.

#4 – Traçar Orçamentos e Metas para todos os gastos

Traçar orçamento para seus gastos é uma ótima forma de controlar seus gastos e economizar dinheiro.

Na administração financeira existe um método de fazer orçamento que se chama: Orçamento Base Zero.

Resumindo, para que um gestor faça o orçamento da sua área ou projeto, ele tem que partir do zero de todos os gastos e fazer um relatório do motivo de cada gasto e também do valor desse gasto.

Meu conselho é que você faça isso com você mesmo, anualmente ou semestralmente.

Pare e veja todo gasto que você tem. É claro que isso só faz sentido depois de você estar seguindo o passo 2.

Vou dar um exemplo:

  • Gasto: Aluguel: R$ 3.000,00
  • Razão de existir: preciso de um teto e um local para morar.
  • Razão do valor: o valor de R$ 3.000,00 representa um valor de um imóvel bem localizado, perto do meu trabalho o que me economiza tempo e dinheiro em transporte.

Você vai fazer isso pra cada um.

Pode parecer exagero, mas faz todo sentido. Você pode perceber que gastar R$ 3.000,00 em aluguel pode ser um valor muito alto, se você entender que o local do imóvel não é bom ou que você simplesmente nunca tá em casa pra aproveitar tudo que ele oferece.

Você vai encontrar algumas brechas pra economizar nesse processo.


Está gostando do artigo? Que tal entrar na lista VIP do Economizar e Investir? Só deixar aqui embaixo para receber todas as novidades!

privacy Odeio spam tanto quanto você.


 

#5 – Pare de acumular dívidas e empréstimos

Aqui é um ponto fundamental também na hora de economizar dinheiro.

Parcelar uma compra, adquirir um empréstimo, comprar no cartão de crédito, tudo isso são formas de gastar um dinheiro que você não tem.

Entenda que pra utilizar um valor que não é seu, você tem que ter a garantia de estar fazendo a melhor escolha possível e que poderá arcar com esse gasto.

Controlar isso é extremamente necessário.

Você deve saber TODOS seus parcelamentos e TODAS suas dívidas. Saber o valor de cada uma, quantas parcelas faltam, quanto do seu ganho mensal está comprometido.

A maioria dos casos que atendo são de pessoas com dificuldades no cartão de crédito.

Ter cartão de crédito é algo muito bom, quando usado com sabedoria. O problema é quando a pessoa não sabe utilizar.

Por isso, vou dar aqui 2 dicas pra um controle melhor do seu cartão.

Nunca parcele seu cartão de crédito.

Exatamente isso. Não digo nem em pagar o mínimo da fatura. Digo em nunca pagar o mínimo ou parcelar o valor do cartão de crédito. É um juros extremamente absurdo.

Esse é um dos maiores problemas de quem começa a usar o cartão sem um controle financeiro. Se perde logo no começo por usar um dinheiro que não é dela.

Sempre pague o valor integral da fatura. Se você não tiver dinheiro, alguma coisa saiu errada no seu controle ou no seu orçamento, como conversamos aqui nos passos anteriores.

Tenha somente 1 cartão de crédito

Muitas pessoas contam com diversos cartões de crédito e isso pode parecer normal.

E realmente, como eu disse, se você souber utilizar os cartões pode ser algo muito bom.

Mas se você ainda está começando a fazer o seu controle, entendendo como controlar seu orçamento, é obrigatório ter somente 1 cartão de crédito. Caso contrário, você vai se perder.

Com o passar do tempo e adquirindo mais conhecimento, você poderá sim ter mais de 1 cartão, sem problemas.

#6 – Negocie!

Como a cultura do brasileiro é querer parcelar todas as compras possíveis (sim, só o brasileiro que tem essa cultura) as lojas adotaram um novo sistema para venda.

Antigamente, quando você ia comprar um produto em alguma loja, estava a oferta: Produto X por R$ 500!

Quando você entra na loja e pergunta se pode parcelar, o vendedor dizia que custava R$ 550 parcelando.

Hoje, as lojas mudaram. A loja já anuncia o produto por R$ 550 à vista, ou em 5 vezes “SEM JUROS”.

Você já pensa que essa loja é muito boazinha, vendendo a prazo pelo mesmo preço da venda a vista. Adorei essa loja.

O que você pode fazer para se prevenir desta estratégia e economizar dinheiro? Antes de consumir qualquer produto, tente economizar o dinheiro por alguns meses.

Ao invés de já comprar o produto na mesma hora, tente economizar o dinheiro pelo período que você iria comprar o produto.

Se você quer muito o Produto X, faça uma dívida com você mesmo de R$ 200 nos dois primeiros meses e R$ 150 no 3º mês. Com o dinheiro em mãos vá até a loja, com disposição para negociar.

Se o vendedor que oferece o produto parcelado por R$ 550, ele provalmente consegue te dar um desconto pra compra a vista. Negocie com o vendedor! Mesmo que não venda pelos R$ 500 e venda por R$ 520 já é um valor que você conseguiu economizar.

A negociação das suas compras é muito importante. Ainda mais quando você tem “bala na agulha” pra comprar à vista.

#7 – Tenha paciência

O último passo é para que você tenha paciência. Mudar a forma de como você encara o dinheiro, de fazer o controle todos os meses dos seus gastos, de alterar o limite do cartão de crédito e baixar o seu consumo, tudo isso requer paciência.

Muita paciência.

Mas mesmo assim, depende somente de você. Com o passar dos meses você verá a transformação do seu salário. Verá que é possível sim sobrar salário no mês, basta ter paciência para colocar todos os passos em dia e estar disposto a sacrificar uma parte do seu consumo.

Muitas vezes são tarefas chatas para a grande maioria das pessoas. Ficar controlando gastos, ficar pensando nas dívidas antes de fazer uma compra, poucos tem calma e aguentam conviver com isso diariamente.

Entretanto, se quiser mudar sua saúde financeira, você deve entender e aprender como funciona. O início é sempre mais chato, após isso, controlar torna-se um hábito, fazendo as tarefas no “piloto automático” e não se incomodando mais com as dívidas!

BÔNUS! #8 – Pague você mesmo primeiro

Uma dica bônus!

Para que você já se obrigue ainda mais a economizar dinheiro, controlar seus gastos e pensar 2 vezes antes de comprar qualquer coisa, pague você mesmo primeiro sempre.

Sempre que cair na conta seu salário, você é a primeira pessoa quem deve pagar, colocando um valor em algum investimento que você tenha. Principalmente a constituição de uma reserva financeira em épocas inesperadas.

É muito importante você ter aonde recorrer quando está apertado nas finanças. Por isso dedique-se em poupar todos os meses uma parte do seu salário.

Não existe um percentual certo. Depende muito do seu perfil. Critérios como idade, estado civil, se tem filhos, salário fixo ou variável, tudo isso deve ser levado em consideração.

Por isso que é muito importante fazer uma análise. Jovens, que moram com os pais, estão começando a trabalhar agora, devem poupar entre 30 a 50% do seu salário. Tranquilamente!

Já quem tem filhos, aluguel para pagar, prestação do carro pra colocar em dia, não consegue dispor de um valor tão alto do salário. Mas ainda assim, deve, no mínimo, alocar 10 a 15% do seu salário mensal numa reserva financeira.

É essencial você fazer isso. Com o dinheiro da reserva financeira, você pode investir nos ativos que comento nos meus outros artigos aqui no Economizar e Investir.


 

Conclusão

Não esqueça dos passos para começar a economizar

  • 1 – Mude seu pensamento sobre o dinheiro
  • 2 – Faça controle de TODOS seus gastos
  • 3 – Mude seus hábitos
  • 4 – Traçar Orçamentos e Metas para todos os gastos
  • 5 – Pare de acumular dívidas e empréstimos
  • 6 – Negocie!
  • 7 – Tenha paciência
  • Bônus 8 – Pague você mesmo primeiro

Levando todos os passos a sério, você conseguirá ter mais salário do que mês!

Grande abraço!


Gostou do artigo? Torne-se VIP da lista do Economizar e Investir agora mesmo. Só deixar seu e-mail aqui embaixo.

privacy Odeio spam tanto quanto você.


The following two tabs change content below.
Pós-graduado em finanças pela Fundação Getúlio Vargas e bacharel em Administração. Gestor Financeiro da High Stakes Academy e Consultor Financeiro Pessoal, ajudando diversas pessoas a melhorar sua vida financeira. Estudante e atuante no mercado financeiro desde 2010.

Comentários

comentários

Deixe uma resposta