Como Escolher um Cartão de Crédito com Inteligência

Não estou aqui para falar sobre o básico do cartão de crédito, afinal você já deve saber que precisa pagar o total da fatura em dia e ficar atento à anuidade. Estou aqui para te mostrar como utilizar a inteligência financeira para economizar dinheiro utilizando o cartão de crédito e trazer previsibilidade para suas contas.

O cartão de crédito é um serviço financeiro que divide opiniões… alguns amam, outros odeiam, outros acham OK.

Normalmente, existem 3 tipos de pessoas quando falamos em cartão de crédito:

  1. Quem não quer nem saber de cartão de crédito, juros, anuidade (os que odeiam);
  2. As pessoas que adoram a facilidade/praticidade e não dão muita bola para quanto pagam de anuidade (os que amam);
  3. Quem acha conveniente ter, mas sempre se atentando para tarifas e anuidade (os que acham OK).

Pela minha experiência, o mais comum é a opção 3. Uma boa parte das pessoas preferem optar por um cartão de crédito sem anuidades e aproveitar a facilidade que o serviço oferece sem pagar tarifas.

É errado? Não. É uma boa opção.

Mas é importante você saber que pode existir melhores opções para você. Nem sempre deixar de pagar anuidade é a decisão mais econômica.

Caso não identificar nenhuma forma de economizar dinheiro das dicas que vou passar nesse artigo, no final vou deixar uma lista de opções de cartão de crédito sem anuidade para que pelo menos você já economize nas tarifas.

Para entender melhor o mundo dos cartões de crédito, vou começar explicando as vantagens e desvantagens desse pedacinho de plástico.

Vantagens e Desvantagens do Cartão de Crédito

Bora começar com as coisas boas?

Veja algumas das vantagens:

+ Pagamentos concentrados em uma só data:

Focar todos os seus gastos para uma só data é algo muito útil quando você tem controle de todos os seus gastos.

Quem costuma gastar no débito pequenos ou médios valores no dia a dia, com certeza precisa deixar uma certa quantia de dinheiro parada na conta corrente para efetuar esses pagamentos.

Mas uma coisa é fato: nunca é recomendado manter dinheiro parado em conta corrente. Qualquer forma de aplicação, mesmo que seja de curtíssimo prazo, é mais valiosa que manter parado.

Isso também ajuda na previsibilidade do seu orçamento. Você já sabe quanto vai gastar no próximo mês com os gastos diários, podendo ajustar o seu planejamento do outro mês seguinte se for necessário.

Isso permite que o seu controle financeiro seja mais fácil.

 

+ Segurança:

Se você ainda tem o costume de andar com dinheiro na carteira, o cartão de crédito é algo que pode te trazer bastante segurança.

Maioria dos lugares hoje aceita algum tipo de cartão, por isso que andar com dinheiro vivo não faz mais muito sentido.

Dica: Algo que acho muito importante para trazer mais segurança para sua vida financeira é a de apagar ou riscar o código de segurança que vem atrás do cartão.

Pouca gente tem o costume, mas eu recomendo que você apague aquele número e o anote em algum outro lugar seguro e separado do cartão ou de sua carteira.

O motivo é que se você perder o cartão, alguém pode facilmente usá-lo para fazer uma compra na internet.

Claro que você pode cancelar a compra e claro que você deve logo que perder cancelar o cartão, mas é mais uma segurança que você ganha, pois sem o número não é possível fazer compras pela internet.

 

 

+ Parcelamento sem Juros

Em muitos casos os lojistas dão a opção do parcelamento no cartão, algo bem típico de nós brasileiros.

Se utilizado de maneira inteligente, você pode acabar ganhando dinheiro.

É sempre bom fazer as contas. Alguns lojistas não dão nenhum desconto para compras à vista… fazem o mesmo preço para compras pagas no débito ou em 10x no crédito.

Se não houver desconto, é sempre melhor fazer parcelado e deixar o dinheiro rendendo, retirando mês a mês a quantidade que precisa para fazer o pagamento.

Agora se a loja oferece algum tipo de desconto, vai depender da quantidade de parcelas e do rendimento que você consegue gerar com seus investimentos.

Para te ajudar, eu fiz 2 tabelas usando como exemplos o parcelamento em 10x e o parcelamento em 12x.

Lembrando que o rendimento que coloco deve ser líquido de impostos e de inflação!

(com a taxa Selic baixa, recomendo que você estude melhor sobre o mercado de ações para conseguir rentabilidades bem maiores que a inflação!)

Veja que para cada opção, dependendo do desconto ou da sua rentabilidade líquida, existe uma opção mais inteligente.

Quando for às compras, lembre-se dessa tabela. Salve no seu computador ou tire uma foto com o celular. Será útil e seu bolso agradecerá.

 

+ Facilidade de Cancelamento

Quando você compra pelo cartão de crédito, o pagamento não ocorre na hora. Você só paga efetivamente na data de vencimento do cartão.

Isso resulta em um benefício para você. Se você comprou um produto que não chegou no prazo, basta ligar na operadora do cartão e cancelar a compra. Claro, é preciso informar o fornecedor que fez isso.

Serve também em casos que você se arrepende da compra. Por direito, se você comprar algo por telefone ou internet, existe um prazo de 7 dias para solicitar o cancelamento da compra e a devolução do produto.

Caso não confiar tanto no fornecedor, pode efetuar o cancelamento direto pelo cartão.

Enfim, é sempre melhor esperar para ver o produto ou analisar o serviço antes de pagar.

 

+ Programa de Fidelidade

A maioria dos cartões de crédito oferecem algum tipo de programa de fidelidade. Dependendo do seu consumo, pode ser muito vantajoso.

Ainda existe a vantagem de acumular os pontos do cartão de crédito com outros programas de fidelidade, como postos de gasolina, supermercados, companhias aéreas…

O programa de fidelidade é uma boa ferramenta que pode acabar fazendo você economizar dinheiro.

O tema é muito bom com vou abordar em detalhes em outro artigo.

 

+ Descontos em Serviços

Muitos cartões oferecem descontos nos mais variados serviços.

Essa é uma vantagem que deve sempre ser utilizada, pois muitas vezes, esses descontos em serviços podem pagar a anuidade de cartões e ainda sobrar um valor no final!

Esse é um dos maiores benefícios e onde você pode economizar dinheiro.

Vou aprofundar mais sobre isso quando explico em como escolher o seu cartão de crédito.

Se existe muitas pessoas que odeiam e já tiveram problemas com o cartão, ele tem que ter alguns pontos negativos.

E são eles que vou falar agora.

 

– Facilidade de Contratação

Você já deve ter recebido algumas ligações de telemarketing oferecendo um cartão de crédito.

Ou então após fazer uma compra escuta a pergunta: “você tem o cartão da loja?”

É fácil conseguir a contratação de um cartão de crédito. A maioria com anuidade cara e poucos benefícios. Por isso é importante escolher com cautela o cartão que vai contratar.

A ideia não é simplesmente negar o serviço e sim entender quais os benefícios que podem trazer.

Normalmente não valerá a pena, mas é sempre bom fazer o exercício.

 

– Ampla Aceitação

A maioria dos lugares aceitam vender através de parcelamento no cartão. Qualquer pessoa que não tenha um orçamento bem organizado pode acabar se perdendo nas contas.

Se você gosta de estar sempre fazendo algumas compras e parcelando para que não seja muito alto o valor no mês, vai acabar se complicando seriamente.

Principalmente pelo fato de que você ainda não desembolsou o valor pago. É diferente de você ter R$ 50 na mão e ir fazendo compras em dinheiro. Uma hora acaba os R$ 50 e você para de comprar.

No cartão de crédito você pode acabar passando dos R$ 50 se não tiver um controle ou ter um limite estabelecido com inteligência.

Por isso a importância de sempre comprar qualquer coisa com muita cautela.

 

– Juros Exorbitantes

Os juros abusivos estão entre as maiores desvantagens. Você nunca poderá deixar de pagar a fatura do seu cartão de crédito.

Uma das piores decisões financeiras que você pode tomar é pagar o mínimo do cartão de crédito. Ou então parcelar a fatura, sem ter calculado se realmente é vantajoso e vale a pena.

Os juros se tornam uma bola de neve e rapidamente fica inviável o pagamento do total da dívida. É algo assustador, você acaba devendo 2 ou 3 vezes o valor da dívida em questão de meses.

Manter o controle é essencial para não ter nenhum tipo de risco ou perigo em não pagar a fatura do cartão.

Preste sempre muita atenção nisso.

Agora que você conhece o lado bom e o lado ruim, está na hora de escolher um para você.

Escolhendo Seu Cartão de Crédito

Primeiro passo para escolher seu cartão é a bandeira.

As bandeiras mais comuns disponíveis e encontradas no Brasil são:

  • Visa;
  • Mastercard;
  • Elo;
  • Amex (American Express);
  • Diners Club;
  • Hipercard.

Minha dica é que você fique com as maiores e mais conhecidas: Visa ou Mastercard.

Os dois tem as maiores aceitações no Brasil e no exterior, por isso são as melhores opções.

Entre os dois, acredito que o melhor é você analisar as vantagens de cada um.

As duas bandeiras têm vantagens e promoções, como o Vai de Visa e o MasterCard Surpreenda.

Entre nos dois sites, veja quais promoções fazem mais sentido para você e então defina a bandeira.

Escolher a bandeira é um passo mais simples e é importante você ficar atento nas promoções que elas oferecem. Pode sempre conseguir descontos em alguns lugares ou prêmios.

Agora é a hora de decidir de qual empresa contratar um cartão de crédito.

Você já deve ter recebido ligações das mais variadas empresas ofertando um cartão de crédito.

Realmente não sei todos os segmentos que acabam oferecendo o pedacinho de plástico, mas vou citar algumas das melhores opções onde podemos acabar economizando dinheiro.

IMPORTANTE: Antes de qualquer coisa, é crucial entender que existem 5 principais fatores para se escolher um cartão de crédito:

  • Anuidade do Cartão;
  • Taxa de Conversão para programas de fidelidade;
  • Taxa de Juros;
  • Programa de Fidelidade que seja vantajoso para você;
  • Forneça descontos e acessos exclusivos que sejam importantes para você.

Então todos as opções que vou listar abaixo, você deve SEMPRE considerar esses 5 fatores.

 

> Cartões de Bancos

Bem provável que te ofereceram um cartão de crédito quando você abriu uma conta em um banco.

Algumas pessoas dão preferência para o cartão do banco aos outros simplesmente por ser do próprio banco. Acontece que ele tem vantagens e desvantagens como todos os outros e é preciso considerar os 5 fatores que citei.

Existe outras opções que trabalham em parceira com bancos, então não precisa ficar preso a eles.

Indicado para: normalmente cartões de banco oferecem vantagens em shows, cinemas e eventos culturais.

Muitas salas de cinema oferecem 50% de desconto no ingresso para quem tem cartão do banco YYY, ou então 50% na entrada de shows de grandes artistas e a chance de comprar ingresso com antecedência.

Por isso é indicado se você gosta desses eventos culturais. Imagine que você vá ao cinema com seu cônjuge uma vez por mês. Dois ingressos normais custam R$ 50 e o cinema oferece 50% de desconto para clientes do banco YYY.

Se a anuidade do cartão for menos que R$ 25/mês, vale a pena você contratar o cartão para ter essa vantagem.

Esse é o tipo de inteligência financeira que você deve ter daqui para frente na sua escolha.

 

> Empresas Aéreas

Se você é uma pessoa que viaja muito, pode ser que a melhor opção para você é o cartão de crédito de uma companhia aérea.

Se você não tem o costume de viajar, não vale muito a pena. Mas tem milhares de pessoas que precisam viajar muito pela empresa e combinando essa estratégia com um cartão de uma determinada companhia aérea, pode render muitos pontos de programas de fidelidade.

Indicado para: quem tem o costume de viajar muito, tanto pela empresa como viagens pessoais.

Muitas oferecem o embarque no avião com antecedência, algumas salas VIP’s em aeroportos do Brasil e uma alta taxa de conversão para pontos.

 

> Supermercados

Boa parte das grandes redes de supermercado oferecem um cartão de crédito. Normalmente tem ofertas exclusivas para quem tem o cartão.

Algumas redes inclusive aceitam passar as compras no crédito somente se for o cartão da empresa, para outras compras passam somente no débito.

Outras oferecem uma taxa de conversão maior em um determinado programa de fidelidade.

Enfim, os supermercados estão sempre criando diferentes formas de atrair mais clientes para seus cartões.

Indicado para: quem já tem fidelidade com algum supermercado. Se todas as compras do mês você vai no mesmo supermercado, veja se eles têm um cartão de crédito e pergunte das vantagens que ele oferece.

Não esqueça também de perguntar sobre os 5 fatores que falei ali em cima!

 

> Lojas Diversas

Muitas das mais variadas lojas (de departamento, de roupa, calçados, etc) oferecem também um cartão de crédito da loja. Em troca, por contratar um cartão deles, você ganha algumas vantagens como poder parcelar em mais vezes, começar a pagar só depois alguns meses, descontos… a lista é grande.

Assim como os supermercados, vai depender muito do quanto você consome daquela loja. Mas essas lojas tem um ponto importante para se diferenciarem dos supermercados.

Não tem como nós escaparmos de fazer compras no supermercado, todos precisamos comer. Então ter um cartão e se fidelizar a um supermercado em troca de descontos pode ser algo muito vantajoso.

Indicado para: poucas pessoas. São casos excepcionais que você deve adquirir cartões de loja desse formato, para não correr risco de virar um consumista.

As compras nessas lojas, na maioria das vezes, são gastos desnecessários ou necessidades pontuais, como compra de um presente ou uma roupa que você esteja precisando muito.

Então normalmente não vale a pena fazer o cartão delas, pois na maioria das vezes só o forçarão a se tornar uma pessoa consumista. Por mais que você não seja, as vezes algumas promoções farão seus olhos brilharem, ainda mais quando for para pagar daqui a 60 dias.

Como essas compras servem para atender necessidades pontuais, é mais fácil não se fidelizar a nenhuma e sempre procurar uma loja com melhor custo-benefício quando surgir essa necessidade.

 

> Seguradoras

Muitas seguradoras já oferecem o cartão de plástico. Normalmente, a contrapartida é um desconto no próximo seguro ou na renovação.

Pode ser muito vantajoso. Aqui é mais um caso onde fidelização pode valer a pena. Se você contrata seguros de vida, residencial, automóvel, e outros, descontos em cada um deles podem pagar a própria anuidade do cartão.

De novo, será necessário fazer algumas contas. Reveja todos seus seguros, talvez migrar todos para uma mesma seguradora você já consiga algum desconto e mais ainda se contratar um cartão.

Indicado para: quem contrata bastante seguros, ou um seguro só mas de um bem muito valioso. É indicado para quem fizer as contas e entender que vai recuperar o valor da anuidade em descontos.

 

É mais complicado do que parece, não é?

Por vezes contratar um cartão parece uma escolha tão simples e fácil, mas sempre temos diversas opções que podem acabar nos proporcionando melhores resultados.

Veja que, se você for financeiramente muito organizado e fizer todas as contas, não é problema ter dois, três ou quatro cartões.

O problema é ter muitos cartões sem uma razão muito clara.

Se você não identificou nenhuma possibilidade de economizar dinheiro, vou passar uma relação com alguns cartões de crédito que não cobram anuidade, talvez pode lhe ajudar a economizar nas tarifas.

Caso souber de outra possibilidade de cartão sem anuidade, deixa ali nos comentários que vou atualizando aqui! 🙂

Algo que também gera muitas dúvidas são as milhas e os programas de pontos. Não abordei aqui porque eles merecem um artigo especial.

Vou fazer uma calculadora para que você descubra quanto vale cada milha sua e se o quanto você gasta no cartão é o suficiente para pagar a anuidade ou não.

Grande abraço!


Gostou do artigo? Torne-se VIP da lista do Economizar e Investir agora mesmo. Só deixar seu e-mail aqui embaixo.

 

privacy Odeio spam tanto quanto você.

 

The following two tabs change content below.
Pós-graduado em finanças pela Fundação Getúlio Vargas e bacharel em Administração. Gestor Financeiro da High Stakes Academy e Consultor Financeiro Pessoal, ajudando diversas pessoas a melhorar sua vida financeira. Estudante e atuante no mercado financeiro desde 2010.

Comentários

comentários